Ranchos folclóricos cantaram as “Janeiras”

1213

Casa do Minho

Depois do Natal e do Ano Novo chega o Dia de Reis e a tradição bem portuguesa das “Janeiras”. Cumprindo uma tradição já enraizada na comunidade portuguesa de Newark, foram vários os grupos folclóricos que desafiaram a primeira grande tempestade do ano e o frio de Janeiro para, de porta a porta, cantaram o nascimento de Jesus e darem as boas vindas a 2014. O epicentro das festividades foi uma vez mais a Ferry Street, onde os vários estabelecimentos comerciais receberam a visita durante o fim-de-semana dos membros dos ranchos folclóricos da Casa do Minho, Barcuense e Eira que com alegria e muito boa disposição celebraram tão bonita e importante época do ano. Os mencionados grupos munidos de bombos, pandeiretas, concertinas, recos-recos, bandolins e sublimes vozes levaram a boa nova e mantiveram as tradições dando assim colorido a mais um fim-de-semana. Mas também noutros locais nomeadamente na cidade de Elizabeth se manteve a tradição que deixou também surpreendidos muitos dos membros de outras etnias que visitam as áreas mais portuguesas de New Jersey. As “Janeiras”, simpática tradição portuguesa teve origem no tempo dos romanos, que festejavam o Deus Janos, o porteiro do Olimpo e o senhor das Entradas. Tradicionalmente as “Janeiras” são descritas como “Cantigas de boas-festas por ocasião do Ano Novo”, relacionadas com Janeiro, o primeiro mês do ano, assim chamado em honra do Deus. Transmitidas de geração em geração, as “Janeiras” têm origem nesses cultos pagãos, que mais uma vez o cristianismo não conseguiu apagar, mas antes pelo contrário, assimilou. Foi esta tradição que o Cristianismo adaptou acrescentando-lhe os autos pastoris que evocam a cena do nascimento de Jesus e episódios a ele ligados: Nossa Senhora e S. José; os anjos anunciadores da “Boa Nova”; a vaca e o burrinho; os pastores. Diz a tradição que vizinhos, amigos, familiares, normalmente jovens, se agrupem e, na noite de Reis (6 de Janeiro), andem pelas ruas da terra, cantando de «porta em porta» e desejem às pessoas um próspero Ano Novo. Habitualmente, alguns elementos tocam instrumentos normalmente tradicionais e folclóricos. As músicas utilizadas são também tradicionais. Terminada a canção numa casa, espera-se que os donos ofereçam as chamadas “Janeiras”. As “Janeiras” representam também para muitos grupos em Newark uma importante forma de angariação de fundos que permitirão o normal desenvolvimento das suas actividades culturais durante o Ano. Em Newark uma vez mais fez-se jus às tradições com sucesso e muita alegria.