Newark: Reunião sobre qualidade de vida juntou polícia e proprietários de estabelecimentos nocturnos no Bairro Leste

1105

barulho

Na passada quarta-feira, Augusto Amador, vereador do Bairro Leste, convocou uma reunião onde estiveram presentes cerca de sete proprietários de estabelecimentos nocturnos no Ironbound. Na reunião marcaram presença também a vereadora Mildred Crump e representantes do departamento policial , bem como do ABC.

A reunião visou debater a proposta apresentada pelo vereador ao conselho municipal que visava estabelecer regras a nível de estacionamento a serem seguidas pelos referidos estabelecimentos de modo a que pudessem continuar a desenvolver as suas actividades.

Essa medida surgiu depois de vários residentes terem mostrado o seu descontentamento devido ao número de incidentes registados nesses estabelecimentos, bem como ao elevado número de problemas relacionados com barulho, estacionamento duplo e outras actividades que estavam a condicionar a qualidade de vida dos residentes das áreas afectadas, nomeadamente durante as horas da madrugada.

A medida apresentada pelo vereador exigia que os referidos estabelecimentos tivessem parques de estacionamento que permitissem evitar esses tipos de problemas, medida que os proprietários viram como um entrave claro à sua actividade.

No final da reunião os proprietários dos referidos estabelecimentos deram garantias que a problemática da qualidade de vida dos residentes será tomada em consideração e comprometeram-se a implementar uma série de medidas que permita que problemas relacionados com barulho e duplo estacionamento seja ultrapassado, comprometendo-se a trabalhar com o departamento policial de modo a que os objectivos sejam atingidos.

Consequência desse acordo a proposta de alteração à lei foi retirada, mas as condições acordadas deverão ser implementadas sob risco de as licenças de operação não virem a ser renovadas pelo ABC se as mesmas não forem observadas.

Em conversa com o Luso-Americano, o vereador Amador referiu, “tivemos uma reunião bastante produtiva, os proprietários comprometeram-se a seguir regras básicas de qualidade de vida para os seus vizinhos, e estabelecemos uma clara relação de compromisso com as autoridades de modo a que essas normas sejam respeitadas. Depois da reunião com os proprietários reuni-me com uma série de residentes afectados, onde comuniquei os resultados desta reunião. Deste modo conseguimos um consenso que visa manter a qualidade de vida dos residentes das áreas afectadas, mas ao mesmo tempo permitir que os estabelecimentos possam manter a sua actividade, debaixo de claras regras”.