NEWARK, NJ: Nova escola da Oliver Street será inaugurada no ano lectivo de 2016

    1870

    1920967_10201711672650349_6574811073255598606_o

    A nova escola da Oliver Street será inaugurada no início do ano lectivo de 2016 segundo dados avançados pelo SDA (School Development Authority) do estado de New Jersey ao Luso-Americano.

    A construção do novo espaço, localizado paredes meias com a antiga escola, entre a New Jersey Rail Road, a Oliver Street, a McWorther Street e a East Kinney Street, será da responsabilidade da empresa EPIC em colaboração com as empresas Gilbane Building Co. e MK Architects, e está orçada em $38.8 milhões.

    O novo empreendimento de três andares e 130,000 pés quadrados incluirá salas de aula, salas para educação especial, refeitório, ginásio, um parque para 70 veículos e uma área recreativa que servirá os estudantes e a comunidade.

    O novo empreendimento terá capacidade para acolher cerca de 848 estudantes e administrará aulas desde o Pre-Kindergarden até ao 8o ano de escolaridade.

    A nova escola será a 6ª nova construção iniciada pela SDA na cidade de Newark, mas a primeira no Ironbound. Depois de ter sido anunciada em 2009, somente em 2013 o projecto teve luz verde do estado, isso segundo a SDA “devido a problemas relacionados com os respectivos fundos necessários para a sua construção”.

    Segundo a mesma entidade a nova escola projectada para a South Street terá luz verde no final do corrente ano.

    A nova escola substituirá a antiga escola da Oliver construída em 1869. Mesmo com problemas a nível de estruturas e excesso de alunos, a Escola da Oliver tem sido um exemplo a nível educativo conseguindo excelentes resultados a nível estatal e nacional. As novas instalações por certo trarão novos motivos para sorrir, para alunos, encarregados de educação e corpo docente.

    Recorde-se que durante o aceso período eleitoral recentemente vivido na cidade de Newark o futuro desta escola como possível Charter School foi equacionado, debaixo do famigerado “One Newark Plan”, situação ainda não confirmada nem desmentida pela direcção escolar da cidade.

    Entretanto as obras visitadas esta semana pelo Luso-Americano decorrem em bom ritmo e segundo a SDA os “ prazos estipulados aquando do início da sua construção serão cumpridos”.