NEWARK, NJ: 29º Festival do Queijo da Serra foi um sucesso

    1455

    IMG_0479

    Na passada sexta-feira, decorreu no Sport Club Português na cidade de Newark o 29º festival do Queijo da Serra, organizado pelo Centro Cultural dos Serranos.

    O evento contou com a presença do mayor da cidade de Newark Luís Quintana, do vereador da cidade Augusto Amador, do cônsul geral de Portugal Pedro Soares de Oliveira, da deputada à Assembleia da República Maria João de Ávila e dos presidentes das Câmaras da Guarda, Seia e Gouveia, respectivamente Álvaro Amaro, Filipe Camelo e Luís Tadeu. O popular artista Luís Filipe Reis também marcou presença e recebeu as insígnias de embaixador do Queijo da Serra.

    O 29º do Queijo da Serra contou com a presença de 6 produtores , e estiveram também representadas três empresas de vinhos , a Aidil, a Trivin e o Wine in Motion.

    Luís Quintana, presidente da Câmara de Newark, referiu, “a presença dos portugueses e as suas acções são fundamentais na nossa cidade e esta feira mostra bem a pujança da comunidade e o seu empreendedorismo”.

    Alexandrino Costa, presidente dos Serranos referiu “este ano trouxemos mais 500 quilos de queijo pois realizamos 4 feiras, esta em Newark e uma em Elizabeth, NJ, outra em Filadélfia, PA e outra em Danbury, CT”, adiantando “estamos muito contentes com os resultados obtidos. As pessoas adoram o queijo, e outros produtos como o requeijão, as compotas e os enchidos. Quero aqui agradecer o apoio da Triunfo e da TAP que facilitam o transporte destes produtos”.

    O mesmo responsável referiu que os fundos angariados serão uma vez mais distribuídos pelos bombeiros das autarquias presentes no evento, lembrando que “nas 28 edições anteriores já entregamos mais de 200 mil dólares de donativos e trouxemos aos Estados Unidos mais de 280 pessoas”.

    Ainda durante o evento Luís Filipe Reis recebeu as insígnias de embaixador do queijo da Serra e referiu “estou bastante contente como serrano em receber esta distinção, e é sempre um prazer para mim participar neste festival”.

    Durante o festival actuou também o Rancho Folclórico Camponeses do Minho, que deu um toque ainda mais português ao bonito evento.