Luso-americano chefe-adjunto dos bombeiros de Bristol, RI morre em acidente de viação

    855

    frank

    Frank J. Sousa, Chefe Adjunto dos Bombeiros de Bristol, RI, morreu a semana passada quando o Chevrolet pick-up que conduzia se despistou na estrada 136, na Metacom Avenue, em Bristol.

    O acidente ocorreu cerca da 6 da tarte da passada quinta-feira, segundo o chefe da polícia de Bristol, Josué D. Canário. Sousa, de 50 anos, estava de folga. Foi vice-chefe durante quatro anos, de acordo com António A. Teixeira, administrador da vila.

    Segundo relatos de testemunhas e informações preliminares no local, o veículo que Sousa conduzia circulava na direcção oeste na Sowams Road, atravessou as duas faixas de rodagem embatendo com violência nos separadores de metal que dividem as faixas de rodagem.

    Frank Sousa foi de imediato assistido no local e transportado ao hospital onde faleceu.

    Esta é a terceira tragédia do ano que se abate sobre o corpo de bombeiros de Bristol. No princípio do ano, o primeiro sargento Andrew McKenna, foi morto num ataque Taliban a uma base das Forças Especiais dos Estados Unidos em Cabul, Afeganistão. Alguns meses depois, o polícia Richard Jean-Georges morreu após um acidente de natação durante as férias na Costa Rica.

    Segundo Teixeira, também ele luso-americano, as bandeiras foram colocadas a meia haste nos edifícios públicos da vila.

    “Era um grande homem e um excelente funcionário”, disse Teixeira. “Foi inspector do serviço de bombeiros e fazia a maioria das inspecções.”

     

    “É a nossa terceira (tragédia) desde o início de Julho”, disse Teixeira. “Perdemos um agente de polícia no início enquanto se encontrava de férias na Costa Rica. Perdemos um soldado, e agora perdemos um chefe-adjunto dos bombeiros.”