Indocumentados já podem abrir negócios em Newark

    1541

    Augusto Amador boa capinha

    Desde 1990 que os cidadãos de Newark, indocumentados, estavam privados de poderem abrir negócios na cidade.

    Uma proposta recente do vereador Augusto Amador e aprovada pelo Conselho Municipal vem repor alguma verdade e permitir que as pessoas sem autorização de residência nos Estados Unidos possam sair da sombra e abrir os seus negócios sem qualquer prejuízo na cidade.

    “Nos últimos anos, centenas de pessoas podiam abrir negócios, por exemplo em Kearny, e estavam proibidos de o fazer em Newark”, referiu Amador ao Luso-Americano.

    • Para mais pormenores, ASSINE a edição online. Ou compre a edição impressa de 5ª feira, 15 de Abril de 2015.