EXCLUSIVO | Cônsul-Geral Manuela Bairos lembra responsabilidade histórica de Portugal para com a diáspora

    1162

    cônsulLUSO

    Apesar de ter assumido o cargo há menos de um mês, a nova cônsul-geral de Portugal em Nova Iorque, Manuela Bairos, já esteve em duas associações luso-americanas (incluindo o Centro Cultural Português de Brooklyn, há muito esquecido por Lisboa), iniciou contactos com a comunidade sefardita radicada em Manhattan e encontrou-se com pelo menos um grupo português baseado na Grande Maçã. Determinada a fazer da política de aproximação às comunidades um dos cavalos de batalha do consulado que estava desde 2008 sem diplomata de carreira, a açoriana de Santa Maria recebeu o jornal LUSO-AMERICANO para uma entrevista exclusiva onde lembra que Portugal tem a responsabilidade histórica de manter a sua rede consular activa no mundo.

    • Para mais pormenores, ASSINE a edição online. Ou compre a edição impressa de 4ª feira, 18 de Fevereiro de 2015.