Estacionamento na escola da Lafayette Street levanta polémica no Ironbound

    988

    lafayettestsch032004

    Em Setembro de 2013, foi aprovada pelo Conselho Municipal de Newark uma lei relacionada com o estacionamento de carros no recreio da escola da Lafayette Street, durante o horário escolar. Esta lei, proposta pelo vereador do Bairro Leste Augusto Amador, propôs a remoção dos carros da referida área de recreio e recomendou que o estacionamento desses carros fosse feito nas ruas adjacentes à escola através da obtenção de uma autorização.

    A aprovação unânime da lei provocou uma reacção natural tanto da parte dos professores e administradores da escola como da parte do público, e particularmente dos pais dos alunos. Enquanto os primeiros reagiram duma forma desfavorável, os pais dos alunos demonstraram, através de vários testemunhos e petições, o seu total apoio a esta iniciativa.

    Numa reunião efectuada em Abril de 2013, o vereador Amador conseguiu obter o apoio total da Administração Escolar de Newark. Inclusivamente, foi determinado pelos representantes do Newark Public Schools que seria designada uma verba para ser usada na renovação do recreio. Para além disso, o empresário Eddy Cruz disponibilizou também uma verba de cerca de 20.000 dólares para o efeito.

    Durante essa reunião foi também determinado que os professores e administradores da escola seriam notificados no fim do ano escolar de 2013-2014 de que o estacionamento não seria autorizado no início do novo ano escolar.

    O Luso-Americano soube que no dia 4 de Agosto de 2014, foi enviada pelo vereador Amador uma carta a Valerie Wilson, assistente da superintendente Cami Anderson. A carta informava o facto de que as obras não tinham sido feitas durante o Verão, como tinha sido prometido, e havia a necessidade de as fazer imediatamente.

    Como não foi obtida nenhuma resposta da parte da Administração Central do Sistema Escolar de Newark, no dia 4 de Setembro de 2014, Augusto Amador com o apoio unânime do Conselho municipal de Newark, propôs uma imediata execução da lei pelo Departamento da Polícia da cidade Newark, e ao mesmo tempo propôs também a implementação da mesma em toda a cidade, ou seja, que ninguém deve estacionar nos recreios de todas as escolas públicas da cidade de Newark.