31.º Aniversário da Sociedade Nª Srª de Fátima da Holy Cross Church

    964

    A direcção da Organização

    A Sociedade Nossa Senhora de Fátima da Igreja Holy Cross localizada na vila de Harrison comemorou no passado domingo o sue trigésimo primeiro aniversário. Cerca de 250 pessoas marcaram presença no evento que decorreu no salão de festas Cristal do restaurante Ibéria na cidade de Newark. Entre os presentes estavam o vereador da Câmara Municipal An-selmo Millan, os padres Joseph Girone e Francisco Rodriguez da paróquia de Holy Cross e representantes de várias associações que assim se juntaram ao evento.

    Sob a liderança de An-tónio  Valente Silva, o presidente da Sociedade, a organização tem nos últimos 5 anos desempenhado um papel fundamental na angariação de fundos para obras de restauração da Igreja paroquial, mais de  250 mil dólares foi o valor angariado, que foram aplicados na restauração das janelas, na pintura da Igreja e também no sistema de aquecimento.
    António Valente Silva  disse ao Luso Ameri-cano: “Durante estes anos tem sido um prazer trabalhar com esta comunidade, angariar mais de 250 mil dólares não foi tarefa fácil, mas o sentido de comunidade dos paroquianos tem sido exemplar e orgulhamo-nos dos resultados alcançados”. A concluir diz: “Depois de termos alcançado o nosso objectivo olhamos com orgulho para a obra feita e queremos  manter a chama de Cristo e de Nossa Senhora nesta comunidade cristã”.
    Em jeito de aviso, adianta: “Estamos a ficar cansados; quando olhamos para a nossa direcção, notamos que existe falta de sangue novo e isso torna-se um grande problema, pois a Igreja continua a precisar do nosso apoio e de mais restaurações e a falta de juventude é uma triste realidade”.
    A história da Sociedade começa em 1982, quando tiveram início as celebrações litúrgicas em português. Em 22 de Janeiro de 1984 a imagem de Nossa Senhora de Fátima foi benzida e coroada na Igreja pelo bispo D. Pachilo e pelo monsenhor  Hugh O’Donnel. O espírito em-preendedor da comunidade portuguesa tem ao longo destas mais de três décadas sido uma constante, com a Sociedade a ter voz activa em actividades e melhoramentos na Igreja, bem como a nível comunitário tendo inclusive entregue várias bolsas de estudo a jovens luso-descendentes.
    A festa contou com a  actuacção do ‘Camponeses do Minho’ e do grupo ‘Eclipse’.